07 abril, 2014

para a construção do poema 11


Um comentário:

Frederico George disse...

A onde pertence este objecto?