31 maio, 2016

LIMALHA (The haunted arm)


CT, Limalha (the haunted arm), maio 2016


Olhamos para o corpo e o corpo termina de repente nos pés, nas mãos. Acaba ali. Não há mais nada à frente, parece uma escarpa de um rochedo sobre o mar. De repente, termina. Porque é que eu acabo ali e começo aqui, porque é que estou cingida a esta forma, porque é que tenho esta solidão e a solidão dos outros corpos?
Helena Almeida, Intus





Um comentário:

Frederico Mira George disse...

Perfeito!
Benvinda ao W&B.